Sabe que desde muito cedo a sua vida foi anormal. Mas agora o tempo cobriu muito, do mesmo modo que as folhas caem e tapam um pedaço de terra até acabarem por se misturar com o solo. As coisas que lhe aconteceram estão enterradas no seu corpo. Tenta ser boa pessoa. Mas, no mais fundo de si, sabe que é má, corrupta, falsa, e todos os seus esforços para ser recta, para ter as opiniões correctas, para dizer as coisas certas, só disfarçam o que tem enterrado dentro de si, o seu lado maléfico.

—Sally Rooney, Pessoas Normais

0
0